Blog

HomeComércio Eletrônico (Loja Virtual)5 erros que você deve evitar na gestão de links patrocinados

5 erros que você deve evitar na gestão de links patrocinados

Os links patrocinados do Google é uma interessante estratégia de negócio, que, no entanto, quando mal administradas, podem ser bastante problemáticas. Hoje, vamos falar sobre a erros que você deve evitar na gestão de links patrocinados, sua importância para e-commerces e prestadores de serviços, mas principalmente os 5 principais erros cometidos com links patrocinados.

Então, tenha certeza de entender bem nossas dicas de como lidar com os principais erros cometidos na gestão de links patrocinados, para garantir que eles não ocorram ou se repitam em suas campanhas.

 

5 erros que você deve evitar na gestão de links patrocinados 2

1. Total falta de um bom planejamento

Um bom planejamento é sempre muito subestimado na maioria dos negócios. Criar uma apresentação sem planejamento, esperando somente a conversão direta não é uma estratégia eficaz. Aliás, isso mal pode ser chamado de estratégia.

É necessário planejar com cautela suas campanhas, se atentando a diversos critérios, como o perfil comportamental de seus clientes antes de realizar as buscas relacionadas a seus anúncios, por exemplo. Utilize as ferramentas dispostas a você para isso, como o planejador de palavras-chave do Google AdWords para planejar as palavras-chave e verificar como estão as tendências dos principais assuntos e palavras-chave com o Google Trends.

2. Gestão de links patrocinados é bem econômica

Isso quando feito da forma certa, claro. Tenha noção que a gestão de links patrocinados não funciona da forma de quem paga mais irá automaticamente aparecer mais em cima nas pesquisas de links patrocinados. A qualidade do anúncio influência de forma direta no posicionamento que o link irá aparecer nas pesquisas.

Como é calculada essa qualidade? Diversos fatores são levados em conta, como por exemplo a relevância das palavras-chave presentes no anuncio, a taxa de cliques que o anúncio recebe, a qualidade da página destino e até o texto do anúncio.

3. Escolher palavra-chave não relevante ou errada

Muitas vezes uma palavra-chave pode parecer tentadora demais para não ser utilizada, ou até mesmo você quer tentar algo mais “seguro” arriscando palavras-chave comuns quando o orçamento estiver um pouco apertado para a gestão de links patrocinados.

Bem, esse pode ser um erro fatal para sua empresa. Quanto mais geral o termo, por tabela mais caro ele será, e ainda poderá não refletir com efetividade o que sua empresa quer divulgar. Termos mais certeiros, mais específicos, podem ser exatamente o que você precisa para conseguir divulgar com efetividade seus anúncios.

4. Anúncio que não corresponde com o conteúdo textual

O conteúdo do seu anúncio é uma das coisas que dará o maior valor a seu texto. Ter isso em mente é muito importante, pois fazer textos para anúncios que não estejam bem entrelaçados pode acabar com a qualidade do seu anúncio de forma alarmante, e automaticamente o colocar para baixo na lista de anúncios.

5. Fazer anúncios que não levam ao produto

É um erro comum e bem cometido por iniciantes em gestão de links patrocinados: fazer um anúncio, que quando acessado não leva diretamente ao produto, mas sim leva diretamente a algum outro local do site, como a Homepage.

O anúncio é o primeiro contato com o produto, e ele deverá servir para aumentar o contato do cliente com aquele produto, então é obrigatório que o anúncio leve o cliente diretamente ao produto, para assim ele ter mais detalhes sobre tal produto.

 

Gostou das nossas dicas? Gostaria de ter suas campanhas analisadas por nossa equipe? Entre em contato conosco clicando AQUI e faremos uma análise completa de suas campanhas de links patrocinados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *